Quinta, 22 de agosto de 2019 - 21:32

Notícias

Securitização imobiliária cresce 70%

 

Mercado de securitização imobiliária apresenta o melhor resultado da história e cresce 70%
A experiência internacional indica a Securitização como uma saída natural para o déficit habitacional e creditício no Brasil. O capital do sistema financeiro de habitação, cujos recursos são provenientes da poupança, não será suficiente para prover o volume necessário de financiamento.

Se de um lado, o PIB apresentou o pior resultado desde o 2º trimestre do ano passado, com queda de 0,9% no acumulado dos últimos 12 meses, de outro, o mercado de securitização de crédito imobiliário apresentou o melhor resultado da história.

De janeiro a maio deste ano, foram registradas 62 novas emissões de CRI, quase 70% a mais do que no mesmo período do ano passado. Foi o maior número de emissões já registradas nos cinco primeiros meses do ano, de acordo com a Uqbar, e o montante acumulado foi de R$ 5,8 bilhões.

Não há dúvidas de que as operações de securitização com lastro em carteiras de créditos imobiliários alcançarão uma importância fundamental no mercado brasileiro durante esta década. Nos EUA, o volume de emissões de títulos de securitização com lastro em créditos imobiliários é superior a 60% do PIB. Muitas destas emissões possuem um mercado secundário com liquidez comparável à do mercado de títulos soberanos.

Fonte: Portal Resumo Imobiliário - 02/07/15


 

© 2008 Todos os Direitos Reservados • Política de Privacidade | Condições de Uso